Viagem entre Ninh Binh e Cuc Phuong

>

No segundo dia, apesar de o aspecto do céu não garantir um dia sem chuva, decidimos alugar novamente uma mota e ir visitar o Parque Nacional Cuc Phuong, que ficava um pouco mais afastado de Ninh Binh a cerca de 40 km.

Baseados num mapa esquemático fornecido pelo rapaz do hotel, com a frase “pode-me dizer o caminho para o parque Cuc Phuong?”, escrita em vietnamita, na margem do desenho, fizemo-nos à estrada. Tivemos a companhia de um casal de australianos que também se encontrava alojado no nosso hotel.

Depois de termos percorrido parte da auto-estrada 1A, no meio de um denso trânsito dominado por camiões, com a maior parte do percurso em obras, entrámos numa estrada secundária que por mais de 10 quilómetros atravessa campos de arroz, circundados ao longe por montanhas que por vezes, dada a neblina, pareciam querer diluir-se na linha do horizonte.

Este percurso revelou-se uma verdadeira aventura, pois a estrada encontrava-se cortada de vido a obras, o que obrigava a desvios por caminhos cheios de lama, por entre pesadas máquinas em laboração, que nem à nossa passagem interrompiam os trabalhos. Por vezes a mota tinha que ser levada à mão pois o caminho era praticamente intransitável. Por diversas vezes tivemos que parar para pedir orientações quanto ao caminho, pois não encontrámos placas de sinalização, sendo recebidos com alguma indiferença, sem nunca conseguirmos encontrar ninguém que entendesse o inglês. Mas a beleza da paisagem compensou largamente as agruras da viagem.
 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *