Mamallapuram

Mamallapuram, também conhecido por Mahabalipuram,  é uma pequena povoação que se situa a cerca de 50 quilómetros a sul de Chennai, conhecida pelo conjunto de templos situados junto da praia que datam do século 5 a 8 DC, correspondentes ao período em que esta zona foi dominada pelo reino dos Pallava ocupando o território que é hoje o estado de Tamil Nadu.

A parte antiga da cidade, classificada pela Unesco como património mundial, é composta por um vasto conjunto de templos, concentrados num zona mais elevada duma extensa planície, escavados na rocha granítica de tons castanhos-alaranjados, formado pequenas grutas decoradas com estátuas representando deuses e animais mitológicos associados a religião hindu.

Os templos, maioritariamente dedicados a Shiva e a Vishnu, constituem um marco importante no desenvolvimento artístico e arquitectónico, servindo como referência às construções realizadas posteriormente, e que caracterizam a arquitectura religiosa do sul da Índia.

 

Praia de Mamallapuram banhada pelas águas mornas da Baía de Bengal
Praia de Mamallapuram banhada pelas águas mornas da Baía de Bengal
Templo situada na praia de Mamallapuram
Templo situado na praia de Mamallapuram
Mamallapuram
Mamallapuram
Mamallapuram
Mamallapuram
Mamallapuram
Mamallapuram
Mamallapuram
Mamallapuram
Mamallapuram
Mamallapuram
Mamallapuram
Pausa para descanso de duas vendedoras de snacks compostos por manga verde temperada com sal e uma mistura de especiarias picante (massala), que é bastante comum encontrar à venda nas ruas das cidades do sul da Índia. A rocha cujo equilíbrio precário parece desafiar as leis da gravidade, é o local mais fotografado de Mamallapuram e é identificada pelo nome de Krishna’s Butterball…
Pausa para almoço de um grupo de alunos em visita de estudo Mamallapuram
Hora de almoço nos jardins que envolvem o conjunto de templos que constituí a zona histórica de Mamallapuram
Mamallapuram
Mamallapuram
Mamallapuram
Escultura principal de Mamallapuram, chamada de “Arjuna’s Penance (a Penitência de Arjuna, uma das figuras mitológicas hindus), onde algumas das esculturas não chegaram a ser terminadas
Mamallapuram
Mamallapuram

Apesar da beleza dos monumentos e do espaço envolvente impecavelmente arranjado, ficou uma pontinha de desilusão pois o conjunto de monumentos não era muito vasto, tendo a visita demorado pouco tempo, o que não compensou as três horas e meia de viagem de autocarro, grande parte delas passadas no caótico trânsito de Chennai, sob o frio glaciar do ar-condicionado.

Da povoação pouco há a referir pois é mais um aglomerado incaracterístico de pequenos edifícios de habitação, restaurantes e lojas destinadas à venda de artigos para turistas, nacionais e estrangeiros, em especial estátuas feitas em pedra.

Recentemente, aquando do tsunami de 2004, parte desta costa foi também afectada, aumentando ainda mais os problemas de erosão existentes, que actualmente ameaçam o templo junto à praia.

Deixar uma resposta