A comida na China

Este é um tema difícil de abordar dada a diversidade gastronómica que a China apresenta, e que a curta visita às províncias de Sishuan e Yunnam oferecem bons exemplos, sendo assim difícil eleger um prato tradicional ou uma refeição típica que homogeneamente se encontre em todos os locais.

Contudo, nas zonas visitadas encontra-se com facilidade restaurantes cujo denominador comum é a existência de uma arca frigorifica onde os alimentos disponíveis estão expostos, desde legumes, carne, cogulemos, tofu, ovos… e de onde se escolhe as combinações desejadas, para um ou mais pratos, que são confeccionadas em poucos minutos. Os pratos são sempre partilhados entre o grupo de amigos ou familiares reunidos em volta da mesa, sendo de boa educação retirar um pedaço de comida de cada vez e coloca-la na tigela, de onde, depois de misturado com um pedaço de arroz é ingerido. No final das refeições é de “bom tom” deixar sempre alguma comida nos pratos, sinal de abundância de comida.

Ao contrário do que é comum nos países asiáticos, na China é raro encontrar a chamada “street-food”, sendo a opção mais popular e económica o recursos a pequenos restaurantes familiares, todos eles abertos para a rua, onde a cozinha fica quase fora do restaurante, e onde se servem geralmente sopa de noodles com as suas diferentes variações de carne de porco, vaca, galinha, vísceras…

Em Sishuan, famosa pela sua aromática pimenta, a gastronomia destaca-se pelo picante presente em quase todos os pratos, desde sopas, salteados e grelhados, com os ingredientes, geralmente legumes e carne, a serem muitas vezes cozinhados numa mistura espessa de especiarias picantes envoltas em óleo.

Nas áreas mais perto da Região Autónoma do Tibete é possível encontrar alguns dos pratos típicos tibetanos, apesar do números de restaurantes que os servem ser mínimo em comparação com a esmagadora presença de restaurantes de comida chinesa. Sobressai a tradicional tupka, uma sopa de legumes ou de carne, de caldo espesso e com massa cortada toscamente em grande pedaços. Tradicionais são também os dumplings que na versão Tibetana se chamam de momos.

Tradicional do Tibete é chá de manteiga (butter tea) que acompanha refeições e onde sobressai o paladar salgado da manteiga que à medida que vai arrefecendo cria uma camada de fina gordura à superfície que deve ser soprada antes do chá ser bebido.

Refeição típica chinesa, em que dois ou mais pratos acompanham uma tijela de arroz. Sempre presente está o chá que muitas vezes é disponibilizado gratuitamente
Refeição típica chinesa, em que dois ou mais pratos acompanham uma tijela de arroz. Sempre presente está o chá que muitas vezes é disponibilizado gratuitamente
Sopa à base de noodles sobre os quais é despejado um caldo e são acrescentados legumes ou carne, assim como condimentos salgados ou picantes, de acordo com o gosto de cada pessoa
Sopa à base de noodles sobre os quais é despejado um caldo e são acrescentados legumes ou carne, assim como condimentos salgados ou picantes, de acordo com o gosto de cada pessoa
Legumes no mercado de Dali
Legumes no mercado de Dali
Raiz de lótus, à venda no mercado de Dalí, muito popular na gastronomia chinesa
Raiz de lótus, à venda no mercado de Dalí, muito popular na gastronomia chinesa
ovos sujeitos a um prolongado processo de fermentação tornando a clara transparente e que lhes confere um gosto muito particular cuja intensidade os torna repulsivos para certos paladares
ovos sujeitos a um prolongado processo de fermentação tornando a clara transparente e que lhes confere um gosto muito particular cuja intensidade os torna repulsivos para certos paladares
Legumes no mercado de Dali
Legumes no mercado de Dali
sopa fria de noodles: encontra-se por vezes ao fim da tarde nas ruas das cidades de Yunnam, onde pequenas banca oferecem um diversidade de noodles, tanto em forma, cor e sabor, que são condimentados com um molho picante, algumas ervas frescas, cebolinho e amendoim ralado
sopa fria de noodles: encontra-se por vezes ao fim da tarde nas ruas das cidades de Yunnam, onde pequenas banca oferecem um diversidade de noodles, tanto em forma, cor e sabor, que são condimentados com um molho picante, algumas ervas frescas, cebolinho e amendoim ralado
OLYMPUS DIGITAL CAMERA
Jantar preparado por duas das minhas companheiras de viagem para quem a comida é levada muito a sério, sendo cada refeição previamente pensada antes da diária ida ao mercado para comprar legumes, peixe ou carne.
dumplings feitos de massa de arroz, geralmente recheados de carne, e cozinhados ao vapor. São uma das mais populares opções par ao pequeno almoço, com os restaurantes fazendo-se anunciar pelas grandes panelas metálicas constituídas por diversos tabuleiros, de onde sai um intenso vapor que se espalha pelas ruas; são acompanhados por um molho picante e por vezes com um caldo feito à base de arroz cozido, simples e praticamente sem sal
dumplings feitos de massa de arroz, geralmente recheados de carne, e cozinhados ao vapor. São uma das mais populares opções par ao pequeno almoço, com os restaurantes fazendo-se anunciar pelas grandes panelas metálicas constituídas por diversos tabuleiros, de onde sai um intenso vapor que se espalha pelas ruas; são acompanhados por um molho picante e por vezes com um caldo feito à base de arroz cozido, simples e praticamente sem sal
outra opção de pequeno almoço, com uma sopa de noodles de sabor acre e ácido, acompanhada de ovo cozido e de pão frito, de massa semelhante às “farturas” mas de sabor salgado
outra opção de pequeno almoço, com uma sopa de noodles de sabor acre e ácido, acompanhada de ovo cozido e de pão frito, de massa semelhante às “farturas” mas de sabor salgado
panelas para cozinhas dumplings ao vapor e o pão frito em forma de longos palitos, que se pode também encontrar no Laos e na Tailândia como acompanhamento da primeira refeição da manhã
panelas para cozinhas dumplings ao vapor e o pão frito em forma de longos palitos, que se pode também encontrar no Laos e na Tailândia como acompanhamento da primeira refeição da manhã
Cozinha de um restaurante na China
Cozinha de um restaurante na China
Cozinha de um restaurante na China
Cozinha de um restaurante na China
Cozinha de um restaurante na China
Cozinha de um restaurante na China
noodles frescos à venda no mercado de Chengdu
noodles frescos à venda no mercado de Chengdu
dumplings de vegetais acompanhando um "sumo" feito de arroz muito cozido ligeiramente adocicado e que constitui uma das populares opções para acompanhamento do pequeno-almoço a par com o leite de soja
dumplings de vegetais acompanhando um “sumo” feito de arroz muito cozido ligeiramente adocicado e que constitui uma das populares opções para acompanhamento do pequeno-almoço a par com o leite de soja
cabeças de pato e pescoços de galinha, grelhados e condimentados: popular como snack entre refeições
cabeças de pato e pescoços de galinha, grelhados e condimentados: popular como snack entre refeições
Um dos pratos pelo qual a gastronomia de Sishuan é muito popular em que num caldo espesso e oleoso, condimentado com especiarias e pimenta, são cozinhados vegetais, cogumelos e algas, com ou sem carne, decorado com cebolinho e sementes de sésamo, e que é acompanhado de arroz
Um dos pratos pelo qual a gastronomia de Sishuan é muito popular em que num caldo espesso e oleoso, condimentado com especiarias e pimenta, são cozinhados vegetais, cogumelos e algas, com ou sem carne, decorado com cebolinho e sementes de sésamo, e que é acompanhado de arroz
O tofu encontra-se presente em muitos restaurantes, sendo contudo mais fácil de encontrar nas grandes cidades
O tofu encontra-se presente em muitos restaurantes, sendo contudo mais fácil de encontrar nas grandes cidades
restaurante junto à estação de comboios de Chengdu que dispõem de tofu confecionado localmente e onde os dumplins são cozinhados nos tradicionais recipientes de bambu
restaurante junto à estação de comboios de Chengdu que dispõem de tofu confecionado localmente e onde os dumplins são cozinhados nos tradicionais recipientes de bambu
pão feito de massa de arroz e cozido ao vapor, muito popular nas zonas regiões tibetanas, e que pode ser simples ou recheado de legumes, carne (quase sempre porco), cogumelos ou à base de feijão azuki que lhe confere um sabor ligeiramente doce
pão feito de massa de arroz e cozido ao vapor, muito popular nas zonas regiões tibetanas, e que pode ser simples ou recheado de legumes, carne (quase sempre porco), cogumelos ou à base de feijão azuki que lhe confere um sabor ligeiramente doce
queijo à base de leite de yak, e que no caso de ser fumado adquire um tom acastanhado; apesar do aspecto tosco a este queijo tem uma forte consistência apresentando-se compacto e “borachoso” ao mastigar
queijo à base de leite de yak, e que no caso de ser fumado adquire um tom acastanhado; apesar do aspecto tosco a este queijo tem uma forte consistência apresentando-se compacto e “borachoso” ao mastigar
Hot-pot, muito popular em vários países asiáticos, mas com diferentes cambiantes em relação aos ingredientes, mas reservada para dias festivos ou jantares de fim de semana, em que um caldo é mantido quente com ajuda de carvão ou de um dispositivo elétrico ou a gás, colocado na mesa, e onde os comensais vão mergulhado os diverso ingredientes. Na região do Tibete, este prato é constituído por legumes, cogumelos, algas e algumas tiras de carne que vêm já misturadas com o caldo.
Hot-pot, muito popular em vários países asiáticos, mas com diferentes cambiantes em relação aos ingredientes, mas reservada para dias festivos ou jantares de fim de semana, em que um caldo é mantido quente com ajuda de carvão ou de um dispositivo elétrico ou a gás, colocado na mesa, e onde os comensais vão mergulhado os diverso ingredientes. Na região do Tibete, este prato é constituído por legumes, cogumelos, algas e algumas tiras de carne que vêm já misturadas com o caldo
Tupka tibetana
Tupka tibetana
uma sopa à base de dumplins recheados de legumes na região de Sertar, mais ligada à gastronomia do Tibete... deliciosa para aquecer o corpo e o espírito nos frias noites do planalto tibetano
uma sopa à base de dumplins recheados de legumes na região de Sertar, mais ligada à gastronomia do Tibete… deliciosa para aquecer o corpo e o espírito nos frias noites do planalto tibetano

Deixar uma resposta