Srinagar e a John Friends Guesthouse

posted in: Índia, Kashmir | 1

Mesquitas, mausoléus, jardins, lagos, pontes, canais, houseboats e shikaras… nada foi mais marcante em Srinagar, do que o tempo que passamos na John Friends Guesthouse.

Fica situada junto ao lago Dal, numa zona próxima de uma comporta que dá acesso ao Rio Jhelum, daí chamada Dal Gate. Percorremos um caminho pedonal ao longo do lago afastando-nos da movimentada rua principal, onde somos diariamente saudados e convidados a entrar nas várias lojas de recordações e de artesanato de Kashmir, postos de internet w agencias de viagens, intercaladas com alfaiates, talhos, barbeiros, mercearias, padarias… daqui percorremos um estreito caminho em madeira, assente sobre estacas, que apesar de seguimos a direcção oposta ao logo, é todo feito sobre a água.

Na primeira noite ficamos num quarto situado no piso superior da antiga, pequena e aparentemente frágil casa de madeira, onde vive a família do Javid, que é a pessoa que está à frente do “negócio” da guesthouse.

Os restantes quartos situam-se numa construção mais recente, em tijolo, que se esconde por trás da casa da família.

Entre as duas casa temos os jardim, relvado, com flores e árvores de fruto, que juntamente com a restante vegetação da vizinhança cria um ambiente bastante agradável, onde abundam aves, desde o comum pardal, até às águias… e claro as barulhentas gralhas que são muitas das vezes responsáveis pelo matutino despertar.

A varanda da casa onde estamos, como mesa cadeiras e um sofá, tem sido o local de eleição para passar-mos languidamente as horas de maior calor, ou os dias em que a chuva faz descer as temperaturas. Aqui comemos as refeições que compramos diária e “religiosamente” no New Krishna Daba e pomos a conversa em dia com os nossos “vizinhos” que são maioritariamente ocidentais.

Com todas estas condições, e dispondo de um frigorífico que partilhávamos com os donos da casa, fomos aproveitando a abundância de fruta que se encontra por Srinagar, libertando-nos da forçada dieta de bananas e mangas a que temos estado sujeitos desde que chegamos à Índia; aqui temos cerejas, melão, maçãs, alperces… mas foi a melancia que ganhou e serviu para refrescar os lanches nos dias mais quentes.

Sexta-feira é dia santo para os muçulmanos e durante toda a manhã os altifalantes das várias mesquitas espalham pela cidade as orações e os textos do Alcorão, entoando uma monótona melodia que se sobrepõe ao som das buzinas que dominam a atmosfera da cidade. É quase lua cheia, está quente e um pouco húmido. Da casa em frente vêm os sons de uma família que convive após o jantar. As mulheres, sempre de cabeças coberta por um véu, saem pouco de casa para além das deslocações para algumas compras na mercearia mais próxima; cabem-lhes as tarefas domésticas de preparar a comida, lavar a roupa e cuidar das crianças. A casa não dá muito trabalho, pois praticamente não têm mobília nem tão pouco objectos de decoração. Aos homens da casa, que falam inglês, fica entregue o negócio da guesthouse e da venda de pashminas.

Num dos dias que aqui estivemos fomos convidados a jantar com a família do Javid, no alpendre situado à entrada da casa e que funciona como cozinha, local para tomar as refeições, receber os amigos e passar os tempos livres. A comida foi bastante simples e reflecte o que é habitual: arroz, muito arroz, lentilhas (dahl) e um carril de legumes. Ficámos finalmente a conhecer as relações de parentesco entre as dez pessoas que habitam na casa.

Foi por estarmos tão bem nesta casa que fez com que a estadia em Srinagar se prolongasse por dezassete dias!!!

Vista da marginal que circunda o Lago Dal, chamada Boulevard, perto do Dal Gate, onde se situava a John Friends Guesthouse
Vista da marginal que circunda o Lago Dal, chamada Boulevard, perto do Dal Gate, onde se situava a John Friends Guesthouse
A casa da família
A casa da família
... num dia de chuva
… num dia de chuva
O quarto onde ficámos na primeira noite, situado por cima da casa da família
O quarto onde ficámos na primeira noite, situado por cima da casa da família
John Friends Guesthouse
John Friends Guesthouse
O nosso quarto na John Friends Guesthouse
O nosso quarto na John Friends Guesthouse
John Friends Guesthouse
John Friends Guesthouse
Refeição no New Krishna Daba, antes de termos tido a ideia de passar a lá comprar a comida e levar para casa, onde relaxadamente a podiamos apreciar, sem a pressão que se sente enquanto outras pessoas esperam por lugar
Restaurante New Krishna Daba, pertencente a hindus, que servia comida tipicamente indiana, antes de termos tido a ideia de passar a lá comprar a comida e levar para casa, onde com calma a podiamos apreciar, sem a pressão que se sente enquanto dezenas de pessoas lutam por um lugar no restaurante. Ficámos fãs e clientes diários; nós e os restantes “vizinhos” da guesthouse a quem fomos espalhando a dica. A comida foi sempre boa e em conta… experimentámos praticamente todos os pratos. Aqui estamos a comer uma Dosa, que é servida tradicionalmente ao pequeno-almoço no sul da Índia, acompanhada de um carril leve mas picante (sambar) e por um refrescante chutney de côco.
John Friends Guesthouse
John Friends Guesthouse
Mercearia que frequentávamos asiduamente. Ao lado, pertencendo aos mesmo donos, era o posto de internet, com optimas condições de ligação mas com péssimo aspecto
Mercearia que frequentávamos assiduamente. Ao lado, pertencendo aos mesmo donos, era o posto de internet, com optimas condições de ligação mas com péssimo aspecto
o posto de internet que era uma verdadeira barraca, mal construída em tijolo, madeira e plastico, mas que se aguentava firmemente nos seus três andares
o posto de internet que era uma verdadeira barraca, mal construída em tijolo, madeira e plastico, mas que se aguentava firmemente nos seus três andares
A padaria onde diáriamente íamos comprar o pão para o pequeno almoço, e por vezes para o lanche da tarde.... a manteiga era comprada na mercearia próxima que vendia cubinhos de manteiga por 5 rupias.
A padaria onde diáriamente íamos comprar o pão para o pequeno almoço, e por vezes para o lanche da tarde…. a manteiga era comprada na mercearia próxima que vendia cubinhos de manteiga por 5 rupias.

 

John Friends Guest House

Opp. Dal Gate, Ghat nº1, Pedestrian Mall Road

Srinagar, Kashmir

Tel: 0194-2458342

 

 

One Response

  1. Vitor Marcos

    dieta de bananas e mangas ?!…..ainda bem que aí chegaram !

Deixar uma resposta